Ir para o conteúdo. | Ir para a navegação

Inovar no Presente,
Garantir o Futuro!

Sections

“Póvoa de Varzim: um Concelho de Bom Ambiente!” em todas as dimensões

Realizou-se, ontem à tarde, no novo Centro de Congressos do Hotel, o São Félix Sustainability Meeting.

Notícias

“Póvoa de Varzim: um Concelho de Bom Ambiente!” em todas as dimensões

Póvoa de Varzim, 22.03.2017

Realizou-se, ontem à tarde, no novo Centro de Congressos do Hotel, o São Félix Sustainability Meeting.

Neste encontro foi discutida a importância e pertinência do conceito “sustentabilidade” nas empresas hoteleiras atuais pelo impacto que têm nas regiões onde estão inseridas, quer a nível ambiental, económico e social.

Tendo a Organização Mundial do Turismo considerado 2017 como Ano Internacional do Turismo Sustentável, o São Félix Hotel organizou este evento no sentido de apresentar o conceito que molda a sua atividade diária e a preocupação que tem, sobretudo, com o meio ambiente. Nuno Ferreira, Diretor do São Félix, partilhou a sua experiência e revelou como tem conseguido “clientes satisfeitos e menores custos”.

Outros convidados apresentaram diferentes experiências de cariz sustentável como Fátima Vieira, Coordenadora Nacional do Programa Green Key da Associação Bandeira Azul; Vicente Bento, Fundador da Agência de Viagens Green Stays; António Melo, Docente da Escola Superior de Hotelaria e Turismo do IPP e Profissional de Hotelaria. Lucinda Delgado, Vereadora do Desenvolvimento Local da Câmara Municipal, e Nuno Ferreira, do Turismo Porto e Norte de Portugal também abordaram o tema.

O Presidente da Câmara Municipal da Póvoa de Varzim, Aires Pereira, referiu-se ao atual momento turístico que o país vive, às oportunidades e ameaças do Turismo, contextualizou a Póvoa de Varzim na região e no país estabelecendo a relação entre o Turismo e o Ambiente: Póvoa de Varzim – Um Concelho de Bom Ambiente!.

Sobre o Turismo em geral, Aires Pereira constatou que se está previsto em 2017 acentuar-se o crescimento do turismo em Portugal, “sabemos que o Porto e Norte vai liderar esse crescimento”.

Neste sentido, o edil reconheceu que a “Póvoa de Varzim é excelente ponto de partida para quem queira conhecer a fachada atlântica do noroeste peninsular e oferece vastos motivos de interesse, constituindo portanto um produto com vasto mercado potencial.

A perceção que temos, e que os balcões dos hotéis confirmam, é que estamos a colher os benefícios da proximidade ao Porto, sobretudo por efeito da superior qualidade global da oferta que temos.

O setor vai, portanto, continuar a crescer entre nós, confirmando que não foi em vão que, há um quarto de século, o município, interpretando o sentido da sua evolução e dinamizando os seus fatores identitários, fez aposta estratégica na cultura e no lazer como vetores de desenvolvimento. A sazonalidade tem vindo, aos poucos, a ser esbatida, porque o país e, há muito deixou de ser apenas sol e praia; hoje, acolhemos ou promovemos eventos, de todo o género, de dimensão nacional ou internacional, ao longo de todo o ano, particularmente na que convencionou chamar-se «época baixa». O melhor atrativo turístico da cidade é… a própria cidade”.

A propósito da relação entre o Turismo e o Ambiente, o Presidente da Câmara abordou o lema adotado há alguns anos pelo Município “Póvoa de Varzim – Um Concelho de Bom Ambiente” e explicou que “a nossa cidade seguiu as melhores regras de ecologia urbana” e “o município renovou toda a rede de infraestruturas, na lógica de um planeamento de expansão da cidade e de crescimento sustentado da sua população.

A Póvoa de Varzim é, pois, um território globalmente muito saudável e, no plano ambiental, favorecido pelas melhores práticas. Os cidadãos, particularmente as gerações mais jovens, têm hoje vincada consciência da importância do respeito pela natureza, pelos seus valores e pelas suas regras”.

Na prossecução das políticas ambientais, Aires Pereira anunciou que “o próximo passo associará o custo da fatura familiar do tratamento dos resíduos ao volume efetivamente produzido pelo agregado. Este passo marcará, de facto, um tempo novo na relação dos cidadãos com os resíduos”.

O autarca acrescentou ainda “porque estamos em Laundos, lembro que esta freguesia é o melhor exemplo, ou o mais contrastante exemplo, do efeito das novas práticas ambientais: há 25 anos, Laundos era conhecida por ser a lixeira do concelho; hoje, a antiga lixeira deu lugar a um Centro de Lazer e de Educação Ambiental.

A Póvoa é, como nós dizemos, “um concelho de bom ambiente”. Não só no ecossistema propriamente dito, mas em todas as dimensões da complexa realidade com que a presença humana nos confronta”.

O evento terminou com a apresentação da nova marca Félix Panoramic Activities & Nature: uma rede de novos parceiros, na sua maioria agentes de animação turística, que vão colaborar com o hotel desenvolvendo atividades nas diversas áreas, captando a atenção de novos turistas para a Póvoa de Varzim.

Veja a fotogaleria.