Ir para o conteúdo. | Ir para a navegação

Inovar no Presente,
Garantir o Futuro!

Sections

Sistema Elevatório e Rua Manuel Gonçalves de Castro Lopes inaugurados

Na manhã de sábado, o Presidente da Câmara Municipal da Póvoa de Varzim, Aires Pereira, inaugurou o Sistema Elevatório de Agro-Velho, em Aver-o-Mar.

Notícias

Sistema Elevatório e Rua Manuel Gonçalves de Castro Lopes inaugurados

Póvoa de Varzim, 15.06.2015

Na manhã de sábado, o Presidente da Câmara Municipal da Póvoa de Varzim, Aires Pereira, inaugurou o Sistema Elevatório de Agro-Velho, em Aver-o-Mar.

O autarca afirmou que “a estação já está a funcionar mas entendemos inaugurá-la hoje porque, depois de toda a discussão que existiu a propósito da sua localização e da volumetria deste equipamento (recorde aqui) era importante demonstrar que não agrava rigorosamente em nada as condições de habitabilidade dos prédios vizinhos. Concluímos a obra em tempo recorde e vai ao encontro do que pretendemos em termos de qualidade das nossas praias”. A execução desta obra foi prioritária para o município atendendo ao desenvolvimento urbano que tem vindo a ocorrer nos aglomerados urbanos indicados e uma vez que a Estação Elevatória existente, naquela zona, se encontrava com a sua capacidade esgotada. 

Aires Pereira anunciou, ainda, que o município irá candidatar-se ao novo quadro comunitário de apoio para o alargamento da rede de saneamento básico: “vamos avançar com nova candidatura, principalmente para as duas freguesias mais rurais e afastadas da cidade. Assim caminhamos para a total cobertura territorial da rede pública de esgotos”.

Veja a fotogaleria.

Durante a manhã foi também inaugurada a Rua Manuel Gonçalves de Castro Lopes, mais conhecido como Manecas Sabido. O Presidente da Câmara Municipal classificou como justa esta homenagem: “o município decidiu perpetuar a história da Póvoa nalguns arruamentos. Se não for revisitada e acarinhada, esta história perde-se. Manuel Gonçalves de Castro Lopes foi uma pessoa que marcou o princípio do século XIX na Póvoa de Varzim”.

O poveiro foi capitão da Marinha Mercante no Rio de Janeiro. Após o casamento com Maria das Dores Conceição (a Rosmaninho), fixou-se definitivamente na sua terra natal, onde fundou a "Casa Oceânia", o primeiro balneário de banhos quentes da praia. Manuel Gonçalves de Castro Lopes deu um memorável exemplo de coragem quando salvou vários pescadores nos naufrágios ocorridos na praia da Póvoa, em 13 de março de 1891 e em 27 de fevereiro de 1892. Esses salvamentos levaram o Rei D. Carlos a atribuir-lhe a medalha de prata de Filantropia e Generosidade. 

Veja a fotogaleria