Ir para o conteúdo. | Ir para a navegação

Inovar no Presente,
Garantir o Futuro!

Sections
Destaque

A Favorita

Século XVIII. Inglaterra está em conflito com França. Anne, a rainha inglesa, é uma mulher doente e frágil que, apesar de se assumir como governante, deixa todas as decisões nas mãos de Sarah Churchill, a duquesa de Marlborough, sua amiga e amante. Quando Abgail, uma aristocrata caída em desgraça, chega ao palácio, torna-se próxima de Sarah. À medida que os assuntos de estado começam a exigir cada vez mais tempo e esforço de Sarah, Abgail encontra aí a oportunidade que esperava para se aproximar da monarca e cair nas suas boas graças. Com argumento de Deborah Davis e Tony McNamara, e realização do grego Yorgos Lanthimos, uma tragicomédia com Olivia Colman, Emma Stone, Rachel Weisz nos principais papéis. Estreado no Festival de Cinema de Veneza, onde recebeu o Prémio do Júri e o Coppa Volpi de Melhor Actriz (Colman), o filme foi nomeado para dez Óscares, entre eles o de Melhor Filme, Melhor Argumento Original, Melhor Actriz Principal (novamente Colman) e Secundária (Weisz e Stone).

Agenda

A Favorita

DATA: 17 de março
HORAS: 21h30
LOCAL: Cine-Teatro Garrett

Século XVIII. Inglaterra está em conflito com França. Anne, a rainha inglesa, é uma mulher doente e frágil que, apesar de se assumir como governante, deixa todas as decisões nas mãos de Sarah Churchill, a duquesa de Marlborough, sua amiga e amante. Quando Abgail, uma aristocrata caída em desgraça, chega ao palácio, torna-se próxima de Sarah. À medida que os assuntos de estado começam a exigir cada vez mais tempo e esforço de Sarah, Abgail encontra aí a oportunidade que esperava para se aproximar da monarca e cair nas suas boas graças. Com argumento de Deborah Davis e Tony McNamara, e realização do grego Yorgos Lanthimos, uma tragicomédia com Olivia Colman, Emma Stone, Rachel Weisz nos principais papéis. Estreado no Festival de Cinema de Veneza, onde recebeu o Prémio do Júri e o Coppa Volpi de Melhor Actriz (Colman), o filme foi nomeado para dez Óscares, entre eles o de Melhor Filme, Melhor Argumento Original, Melhor Actriz Principal (novamente Colman) e Secundária (Weisz e Stone).