Os alunos da academia de artes da Póvoa de
Varzim, Artedança, vão tirar esta forma artística do seu espaço habitual e
surpreender as pessoas na rua, fazendo-as esbarrar com pequenos momentos de
espectáculo, sem palcos, sem grades e sem o aparato de grandes aparelhagens
sonoras. Esta é a proposta do Pelouro da Cultura do município para assinalar o
Dia Mundial da Dança.

Perto de 40 alunos
da academia vão participar nesta iniciativa, fazendo exibições de dança jazz e
sapateado. Uma das coreografias que será apresentada ganhou no passado dia 10
de Abril, no Algarve, o 1º lugar no Concurso Internacional “Dançarte”. 

A principal
finalidade da organização é descentralizar a dança e a cultura, dando lugar ao
improviso e à liberdade de movimentos, espalhando-os pela cidade e,
surpreendendo os transeuntes, chamar a atenção para esta forma de expressão
artística.