Desde o número de inscrições, mais de 200, ao público, que se deslocou às piscinas municipais para assistir à partida da prova e acompanhou a competição ao longo da marginal da cidade, tudo superou as expectativas da empresa municipal. O objectivo da Varzim Lazer (VL), promover o contacto com o público fora das suas instalações, foi assim cumprido.

O número de inscrições, que inicialmente estava limitado a 150, foi ultrapassado. No último dia de inscrições, a VL e a Federação de Triatlo de Portugal, ao constarem que muitos atletas tinham interesse em participar na prova, decidiram aceitar mais inscrições, alcançando mais de duas centenas de participações.

O Presidente do Conselho de Administração da VL, explicou que “com esta prova, a Póvoa de Varzim afirmou-se, uma vez mais, como um concelho de excelência no que diz respeito ao desporto e ao lazer.” Na opinião de Afonso Oliveira, com o I Triatlo Varzim Lazer, “demonstramos que a piscina olímpica tem mais possibilidades que não competições de natação.” Segundo o Presidente do Conselho de Administração da empresa municipal, “visto o êxito da prova, é de todo o interesse voltar a organizar o Triatlo Varzim Lazer no próximo ano.”

O espírito de amizade e entreajuda entre os participantes, que se fez sentir durante toda a manhã, quase fez esquecer que se tratava de uma competição. No entanto, e porque de uma competição se tratava, houve vencedores. A equipa promoção do I Triatlo Varzim Lazer, constituída por Pedro Silva, Manuel Zeferino e Fátima Silva, convidados pela empresa municipal a participar e a formar equipa, venceram nas Estafetas. Pedro Palma, do Clube Triatlo de Perosinho, vice-campeão europeu de Duatlo Júnior, foi o vencedor masculino. Rita Lopes, a competir em nome individual, foi a primeira mulher a alcançar a meta.

Confira as restantes classificações aqui.