Este procedimento, para além de
contribuir para o cumprimento da legislação sobre resíduos de embalagens de
produtos fitofarmacêuticos, é, acima de tudo, fundamental para a melhoria da
qualidade do Ambiente.

A Valorfito, após a recolha, irá encaminhar
as embalagens para instalações devidamente licenciadas para o efeito afim de
receberem o tratamento adequado, seguindo-se uma posterior valorização
energética ou reciclagem.

O Pelouro do Ambiente da autarquia
apoia e incentiva esta acção.