Ir para o conteúdo. | Ir para a navegação

Inovar no Presente,
Garantir o Futuro!

Sections

Páscoa Feliz!

Com a chegada da Primavera começa-se a aproximar a Páscoa e, na Póvoa de Varzim, as tradições continuam vivas.

Notícias

Páscoa Feliz!

Póvoa de Varzim, 28.03.2019

Com a chegada da Primavera começa-se a aproximar a Páscoa e, na Póvoa de Varzim, as tradições continuam vivas.

A programação da Páscoa abre com um concerto na Igreja de S. José de Ribamar, no dia 6 de abril, sábado, às 21h30. Este concerto de Páscoa, organizado pela Escola de Música da Póvoa de Varzim, marca o final do segundo período letivo. Neste evento vai atuar o Coro Juvenil Pró-Música, Ensemble Instrumental Pró-Música e a soprano Susana Costa, acompanhados pelo professor Rui Silva, que estará a dirigir o concerto.

No dia seguinte, 7 de abril, domingo vai realizar-se a Procissão do Senhor dos Passos, às 16h00. A Procissão parte da Igreja da Misericórdia, em direção ao Largo das Dores e depois passa pela Rua do Monte; Rua do Visconde e Largo Eça de Queirós, haverá o Sermão do Encontro, presidido pelo Rev.º Padre Manuel de Brito Ferreira.

No final do Sermão, a Procissão continua pela Praça do Almada; Rua Dr. Sousa Campos; Praça da República; Rua da Junqueira; Largo David Alves; Rua da Alegria; Avenida Mouzinho de Albuquerque e termina na Igreja da Misericórdia. 
Ao recolher da Procissão será cantado o "Miserere" pelo Coro da Misericórdia, dirigido pelo José Manuel Lopes da Silva. 
A Procissão do Senhor dos Passos é presidida pelo Rev.º Padre Manuel Gomes dos Santos.

A animação ara os mais pequenos durante as férias da Páscoa está garantida de 8 a 16 de abril, com o programa da Casa da Juventude, “Dá-te Férias!”. Vai ser uma semana cheia de atividades e diversão, oportunidades de aprendizagem e descobertas, nas férias letivas das crianças e jovens do concelho. Também na Biblioteca Municipal, 8 a 18 de abril não vão faltar diversas atividades lúdico-pedagógicas destinadas a crianças e jovens, dos 6 aos 12 anos de idade. Haverá leituras animadas, ateliers criativos e oficinas plásticas sobre o mar, as viagens e a primavera, tendo como mote criações poéticas e literárias. Todas as atividades são gratuitas e requerem inscrição prévia.

De seguida, e para os mais gulosos, de 11 a 14 de abril, a Praça do Almada volta a receber a Praça do Chocolate. Nesta altura do ano o chocolate é um ingrediente indispensável e, na Praça do Chocolate vai encontrar comprar bombons, tabletes, amêndoas, ovos de chocolate, bolos, ginja em copo de chocolate, brigadeiros, crepes, waffles, fogaça e pão de ló de chocolate, tripas de Aveiro, chocolate à martelada, pão de chocolate e tantos outros doces de chocolate.

Para além de poder usufruir de todos estes produtos, a Praça do Chocolate oferece ainda uma animação diária, com pequenos momentos musicais, animação de rua, atividades para crianças.

A Semana Santa que vai de 14 a 21 de abril é vivida pelos poveiros e pelos que visitam a Póvoa, nesta altura com grande solenidade. Assim sendo, no dia 14 de abril, domingo de ramos, às 10h00 saí da Igreja Matriz a Procissão dos Ramos, às 10h30, na Igreja da Misericórdia procede-se à Bênção dos Ramos e para terminar o Domingo de Ramos, às 11h00 será celebrada uma Eucaristia Solene, na Igreja Matriz.

No dia 15 de abril, na Igreja de S. José de Ribamar, às 21h30 realiza-se o Concerto de Páscoa, com a participação do Coro da Sé Catedral do Porto, a Orquestra de Guimarães, com direção de Vitor Matos, com a voz da soprano Raquel Mendes, com Ana Santos, contralto, com o tenor, André Lacerda e Rui Silva.  O programa desta concerto é o seguinte: -Requiem, em Rá menor, K. 626 – W. A. MOZART ;  Aus tiefer Not schrei ich zu dir, BWV 38 – J. S. BACH.

No dia 16 de abril, nas ruas da Póvoa realiza-se a Via Sacra Encenada que parte da Igreja da Lapa, às 21h30 e vai percorrer as seguintes ruas: Praça do Almada; Praça da República; Rua de João Dias; Rua Tenente Valadim; Rua da Ribeira e vai até ao exterior da Fortaleza de Nossa Senhora da Conceição, onde terá lugar a última estação deste percurso de reflexão.

A atividade, levada a cabo pelo Grupo Esperança Jovem da Lapa, consiste numa encenação do trajeto que Jesus Cristo fez até ao Calvário. A população será convidada a meditar sobre a paixão, morte e ressurreição de Cristo.

 No dia 17 de abril às 21h30 o Quarteto Verazin e o Coral “Ensaio” vão encher de música a Igreja Matriz, com um concerto Pascal 21h30. O professor Abel dirige este grupo, com Daniel Sousa no Órgão e Altino Carvalho, no Contrabaixo.  O programa para este concerto é o seguinte: F. Schubert (1797-1828) Quarteto de Cordas nº13, D.804, em Lá menor (Rosamunde); Allegro ma non troppo  Andante; Menuetto: Allegretto – Trio Allegro moderato e ainda Antonio Lotti,  Miserere ; C. Saint-Saëns, Ave verum, João IV, Crux Fidelis, G, Rheinberger ,Ave Maris Stella, JWV 161; Carlos Seixas, Tantum ergo e W. A. Mozart,Lacrimosa (do “Requiem” KV 626),Laudate Dominum (das“Vesperae solemnes de Confessore" KV 339).

Na quinta-feira Santa, dia 18 de abril, às 16h00 haverá a Celebração da Ceia do Senhor e com a cerimónia do Lava-Pés, na Igreja da Lapa. Mais tarde, às 17h00 o mesmo acontece com Missa Vespertina, na Igreja Matriz e às 18h00, na Igreja de S. José de Ribamar. Este dia é também o dia das visitas às igrejas e capelas da cidade, que se encontram abertas e ornamentadas. Nessa noite o Museu Municipal associa-se a este evento e abre as suas portas, gratuitamente, das 21h00, às 24h00.

De dia 18 a dia 21 de abril é levada a cabo pelo Pelouro do Turismo da Câmara Municipal da Póvoa de Varzim, uma ação que é dirigida aos hóspedes/turistas que fiquem num dos estabelecimentos hoteleiros do concelho.

O objetivo é dar a conhecer aos turistas que se deslocam à Póvoa de Varzim as tradições locais e a particularidade das celebrações do concelho durante o período da Semana Santa.

Dia 19 de abril, sexta-feira Santa celebra-se a Paixão do Senhor, na Igreja da Lapa, às 15h00 e na Igreja de S. José de Ribamar, às 17h00. A celebração da Paixão do Senhor consiste na Via-Sacra, Liturgia da Palavra, Adoração da Santa Cruz e Comunhão Eucarística. Na Igreja Matriz às 14h30 haverá a celebração da Paixão do Senhor através da Via Sacra e às 15h00 através da Liturgia da Palavra e a Adoração da Santa Cruz. Nesse mesmo dia, à noite a Póvoa veste-se de preto e o silêncio reina nas ruas. O Sermão do Enterro acontece na Igreja Matriz, às 21h30 e logo depois, às 22h00 sai da Igreja Matiz a Procissão do Enterro do Senhor, que desce a Praça do Almada e termina, na Praça da República, no largo da Capela de Santiago. Até à década de 30 do séc. XX, esta procissão realizava-se durante a tarde passando, a partir dessa altura, a realizar-se à noite.

No sábado Santo, dia 20 de abril, a Igreja da Lapa celebra às 20h00 a Vigília Pascal. Depois, às 21h30, na Igreja Matriz celebra-se a Vigília Pascal e a Missa da Ressurreição, com a Bênção do Lume; a Liturgia da Palavra; a Liturgia Batismal com Bênção da Água; Renovação das Promessas do Batismo e Liturgia Eucarística.

Também na Igreja de S. José de Ribamar, às 22h30 os fiéis se juntam para assistir à Vigília Pascal.

No final de uma semana em que a caminhada foi longa chega o dia de Páscoa, no dia 21 de abril, às 9h30 haverá Eucaristia Solene na Igreja Matriz e no final da Eucaristia sairá a Procissão da Ressurreição, às 10h45. À tarde pelas ruas andarão os compassos, a chamada Visita Pascal que começa às 14h30. Depois de terem percorrido todas as casas da cidade, às 19h00 cumpre-se o habitual Cortejo Festivo dos Compassos Pascais, que vai da Praça do Almada até à Igreja Matriz, onde se recolhem as cruzes.

As festividades da Páscoa só terminam no dia 27 de abril, às 21h30, na Igreja Paroquial de Beiriz que vai receber um concerto dinamizado pelo Coral Ensaio e pelo Quarteto Verazin. O professor Abel Carriço dirige este grupo, com Daniel Sousa no Órgão e Altino Carvalho, no Contrabaixo.  O programa para este concerto é o seguinte: F. Schubert (1797-1828) Quarteto de Cordas nº13, D.804, em Lá menor (Rosamunde); Allegro ma non troppo  Andante; Menuetto: Allegretto – Trio Allegro moderato e ainda Antonio Lotti,  Miserere ; C. Saint-Saëns, Ave verum, João IV, Crux Fidelis, G, Rheinberger ,Ave Maris Stella, JWV 161;Carlos Seixas, Tantum ergo e W. A. Mozart, Lacrimosa (do “Requiem” KV 626),Laudate Dominum (das“Vesperae solemnes de Confessore" KV 339).