Desta vez, a profissão escolhida foi a de engenheiro e o convidado é Júlio Guerra que em duas sessões, uma às 10h30 e outra às 14h30, vai falar da engenharia civil e, dentro desta, das estruturas e da forma como pontes, edifícios e certas obras, que parecem contrariar todas as leis da físca, são concretizáveis. Para o auxiliar nas suas explicações, Júlio Guerra fará demonstrações práticas com pequenos miodelos, alguns construídos com materias tão simples como massas culinárias.

De manhã, uma turma da Escola Secundária Rocha Peixoto participa neste Artes & Ofícios, sendo a sessão da tarde dedicada a uma turma da Casa Escola Agrícola de Rates.