Passar para o conteúdo principal

A jornalista poveira Angélica Santos esteve, esta tarde, na Biblioteca Municipal Rocha Peixoto, para dar a conhecer aos mais novos a sua atividade profissional no âmbito da atividade Artes & Ofícios.

Perante uma plateia de alunos do 3º ciclo, uma turma do 9º ano da Escola Secundária Eça de Queirós e duas turmas (uma do 7º e outra do 9º) da Escola E.B. 2/3 Dr. Flávio Gonçalves, Angélica Santos falou da sua experiência que abrange o jornalismo escrito (imprensa), rádio e televisão. Alertou para as notícias falsas, advertindo para a importância de identificar as fontes e referiu-se também à evolução tecnológica que esta área profissional tem vindo a sofrer.

Revelou que iniciou os estudos de Jornalismo no 10º ano na Escola Secundária Eça de Queirós e prosseguiu a formação profissional através do CENJOR – Centro de Formação de Jornalistas e em 2004 licenciou-se em Gestão Recursos Humanos, pelo Politécnico do Porto (ESEIG).

Jornalista com carteira profissional desde 1989, altura em que começou a trabalhar na Sopete Rádio Mar, Póvoa de Varzim. Mas já havia começado a trabalhar em Rádio ainda nas chamadas “Rádios piratas”, em 1985, enquanto frequentava o ensino secundário.

A partir de 1992 começa a trabalhar para Imprensa no jornal local A Voz da Póvoa, e a partir de 1998, no Jornal Póvoa Semanário.

Em 2008, é elemento fundador (juntamente com Rui Nova) da Norte Litoral TV (Web TV), onde ainda colabora.

Em 2011 passou a trabalhar na Rádio 5 (Grande Porto).

Entre 2013 e 2015 trabalhou como assessora de imprensa no Gabinete de Comunicação e Relações Públicas da Câmara Municipal da Póvoa de Varzim.

Em 2016 começou a trabalhar no jornal quinzenário Primeira Mão (Maia), onde ainda trabalha (desempenha a função de jornalista e tem o cargo de Diretora). Presta ainda colaboração nas rádios: 5, XL Fm, No Ar (rádios do Grande Porto pertencentes ao mesmo grupo editorial).

Procissão de Nossa Senhora do Rosário: trânsito condicionado

No dia 9 de outubro, a Póvoa de Varzim recebe a procissão em honra de Nossa Senhora do Rosário.

Importando garantir adequadas condições de segurança dos arruamentos integrados no trajeto da mesma, o Município alerta a população para os condicionamentos de trânsito no dia da procissão, a partir das 16h00.

Assim, estará interdita a circulação de trânsito e o estacionamento de todos os veículos nas seguintes artérias da cidade: Rua da Igreja, Rua do Visconde, Largo Eça de Queirós, Praça do Almada, Rua Dr. Sousa Campos, Praça da República, Rua da Junqueira, Largo Dr. David Alves, Rua da Alegria, Avenida Mouzinho de Albuquerque, Largo das Dores e Rua de S. Pedro.

Noite de Fado na Fonte da Bica: alterações ao trânsito automóvel

No dia 1 de outubro, o Grupo Recreativo Estrela do Bonfim vai realizar a Noite de Fado na Fonte da Bica.

De modo a garantir as adequadas condições de segurança dos arruamentos integrados no decorrer do espetáculo, o Município alerta a população para a interdição da circulação de trânsito automóvel na Rua Fonte da Bica, entre as 21h30 e as 23h30 de amanhã.