Passar para o conteúdo principal

Na passada sexta-feira, 13 de julho, a Associação Empresarial da Póvoa de Varzim assinalou o 125º Aniversário com um Jantar Comemorativo no Pavilhão Multiusos de Aguçadoura que contou com a presença da Secretária de Estado da Indústria, Ana Lehmann.

A Secretária de Estado transmitiu que tinha “muito gosto em estar presente”, admitindo tratar-se de “um momento especial” pois trata-se de celebrar 125 anos e com esta longevidade “não há muitas associações neste país” e “ainda por cima com a abrangência de associados que tem. É uma entidade muito dinâmica e que faz um trabalho excelente em prol dos empresários”.

Numa visão geral do país, Ana Lehmann considera que “as empresas estão muito abertas às oportunidades de modernização que existem. Estão a atualizar-se e isso é ótimo. Estão a virar-se para os mercados externos”, reconhecendo que “há sempre desafios e não é fácil a vida de um empresário mas estão a saber corresponder muito bem”. Aliás, constatou que “o tecido empresarial por excelência deste país e da nossa economia assenta fundamentalmente nas pequenas e médias empresas”, que fez questão de homenagear “porque são o esqueleto da economia deste país”.

A propósito da Estratégia Nacional para a Digitalização da Economia, a Secretária de Estado referiu-se à iniciativa Indústria 4.0 “no âmbito da qual já foram disponibilizados avisos que representam um total de 720 milhões de euros desde o ano passado para a inovação produtiva e empreendedorismo qualificado. A nível de empresas individuais, os bons projetos também não deixam de ser financiados”.

O Presidente da Câmara Municipal da Póvoa de Varzim, Aires Pereira, referiu que celebrar os 125 anos da Associação Empresarial é uma oportunidade para reviver a história da Póvoa de Varzim pois esta sempre teve uma relação muito grande com a cidade, desde logo porque funcionava muito como local de encontro e de debate.

No entanto, atualmente “tem um outro objetivo: aposta em criar ninhos de financiamento para colocar ao serviço dos comerciantes como forma de ajudar a modernizar o nosso tecido empresarial”.

O edil desejou os maiores sucessos a todos os associados pois “o vosso sucesso é também o sucesso da cidade. A atratividade dos vossos negócios é a atratividade da nossa cidade. A Associação Empresarial foi sempre um braço importantíssimo na estratégia comercial do Município”.

Aires Pereira aproveitou o momento para se referir à atratividade fiscal da Póvoa de Varzim: “vamos continuar com a política fiscal amiga das pessoas, ou seja: o IMI vai continuar nos 0,3 – o mais baixo que a lei nos permite; não cobraremos derrama – não há na Área Metropolitana do Porto nenhum Município que tenha esta política fiscal; vamos continuar a devolver 1% do IRS – cerca de 700 mil € que ficam no bolso dos poveiros e de todos aqueles que são contribuintes na Póvoa de Varzim. O resultado desta política fiscal são 6,5 milhões de euros que ficam por arrecadar como forma de contributo”.

O autarca presenteou a Associação Empresarial, na pessoa do seu Presidente, entregando a José Gomes Alves uma lembrança do Município da Póvoa de Varzim.

O Presidente da Associação Empresarial da Póvoa de Varzim, José Gomes Alves, assumiu tratar-se de uma data importante para a associação destacando o facto de serem homenageados mais de 50 associados com mais de 25 anos de associado, adiantando que pretende, de futuro, celebrar o aniversário e distinguir os seus associados.

José Gomes Alves revelou que a associação admite, anualmente, cerca de 100 associados totalizando, atualmente, cerca de 3 mil. Os novos órgãos sociais da Associação Empresarial da Póvoa de Varzim tomaram posse nesta sessão em que também decorreu a entrega monetária aos três projetos vencedores e apoiados pela associação, através do Portugal 2020, no âmbito do Concurso de Ideias “Póvoa Empreendedora”.

O Presidente da Associação Empresarial da Póvoa de Varzim presenteou a Secretária de Estado com uma figura tradicional – uma poveira.

Procissão de Nossa Senhora do Rosário: trânsito condicionado

No dia 9 de outubro, a Póvoa de Varzim recebe a procissão em honra de Nossa Senhora do Rosário.

Importando garantir adequadas condições de segurança dos arruamentos integrados no trajeto da mesma, o Município alerta a população para os condicionamentos de trânsito no dia da procissão, a partir das 16h00.

Assim, estará interdita a circulação de trânsito e o estacionamento de todos os veículos nas seguintes artérias da cidade: Rua da Igreja, Rua do Visconde, Largo Eça de Queirós, Praça do Almada, Rua Dr. Sousa Campos, Praça da República, Rua da Junqueira, Largo Dr. David Alves, Rua da Alegria, Avenida Mouzinho de Albuquerque, Largo das Dores e Rua de S. Pedro.

Noite de Fado na Fonte da Bica: alterações ao trânsito automóvel

No dia 1 de outubro, o Grupo Recreativo Estrela do Bonfim vai realizar a Noite de Fado na Fonte da Bica.

De modo a garantir as adequadas condições de segurança dos arruamentos integrados no decorrer do espetáculo, o Município alerta a população para a interdição da circulação de trânsito automóvel na Rua Fonte da Bica, entre as 21h30 e as 23h30 de amanhã.