Este foi um concerto intimista e de contacto com o público mesmo estando a sala praticamente lotada.

Pedro Cardoso é Peixe e é um dos membros fundadores da banda Ornatos Violeta, considerada uma das mais importantes bandas portuguesas de sempre e que marcou de forma incontornável a nova música moderna Portuguesa. Com esta editou os álbuns “Cão!” e “O Monstro Precisa de Amigos” ambos vencedores de prémios Blitz. Após a separação, fundou abanda de rock Pluto, com quem editou o álbum “Bom Dia” e a banda jazz DEP com quem editou o álbum “esquece tudo o que aprendeste”.

Em 2008 criou a OGBE – Orquestra de Guitarras e Baixos Eléctricos – com o apoio do serviço educativo da Casa da Música, grupo que continua em funções e do qual é o diretor.
O Homem em Catarse teve na retaguarda duas referências incontornáveis. Filipe Miranda, o talentoso músico The Partisan Seed, que captou e produziu cada nota, cada delay da guitarra eas longas palavras das letras propositadamente curtas. Depois o experiente Paulo Miranda que tem trabalhado com Old Jerusalem, Peixe:avião ou Legendary Tiger man fez o resto e deu asasa um pássaro seguro do rio que percorre.

Finalmente, André Júlio Teixeira é De Turquoise. Nasceu em 1987 e estudou música e teatro. Membro da Banda Musical da Póvoa de Varzim, o música toca guitarra, saxofone, flauta e percussão, além de cantar.