Nesta primeira fase foram escolhidos os trabalhadores das setores considerados mais prementes, casos do Estádio Municipal, Proteção Civil e Polícia Municipal. A ação de formação foi ministrada pelos Bombeiros Voluntários da Póvoa de Varzim, nas suas instalações, entre os dias 9 de Maio e 1 de Junho e teve como objetivo dotar os trabalhadores de conhecimentos para atuação em casos práticos, com os quais se possam vir a deparar.

O Vice-Presidente da Câmara Municipal, Luís Diamantino, marcou presença na entrega de diplomas e fez questão de agradecer ao Presidente da Direção da Real Associação Humanitária dos Bombeiros Voluntários da Póvoa de Varzim, Rui Coelho, por se ter mostrado “prontamente disponível” para participar neste projeto comum e por todas as “diligências feitas para que esta iniciativa se realizasse com sucesso”.

O autarca considera que “a Câmara tem a obrigação de providenciar a formação aos seus colaboradores, porque o conhecimento não ocupa espaço e só ajuda na missão de auxiliar os outros”, razão pela qual “vocês foram o setor escolhido em primeiro lugar, por serem os mais importantes em caso de urgência, quem chega primeiro quando é mais necessário”.

“Se tivermos mais formação estaremos mais alerta, mais capacitados e mais prevenidos. E por isso continuaremos a apostar nestas ações, que a breve prazo chegarão junto dos trabalhadores dos jardins-de-infância e das escolas”, concluiu o Vice-Presidente.

Rui Coelho agradeceu o papel da autarquia poveira na realização desta iniciativa e destacou o papel dos “Bombeiros Voluntários, que tornaram possível esta formação”. “Estamos aqui para servir a população, e sendo certo que esperamos que nunca tenham de usar esta informação, ela salva vidas, pelo que devemos sempre estar equipados com toda a formação possível”, sublinhou Rui Coelho.