Ir para o conteúdo. | Ir para a navegação

Inovar no Presente,
Garantir o Futuro!

Sections

Reunião da Câmara com decisões relevantes para o futuro do concelho

Na reunião do executivo municipal realizada ontem, 18 de setembro, foram tomadas decisões de grande importância para o futuro do Município.

Notícias

Reunião da Câmara com decisões relevantes para o futuro do concelho

Póvoa de Varzim, 19.09.2017

Na reunião do executivo municipal realizada ontem, 18 de setembro, foram tomadas decisões de grande importância para o futuro do Município.

O Presidente da Câmara Municipal deu conhecimento da vinda do Centro Logístico da Mercadona para o Parque Industrial de Laundos. Aires Pereira explicou que este “vai surgir da reconversão da antiga unidade do grupo Jerónimo Martins (12 mil m2 ) mais a unidade ao lado (5 mil m2), num total de 17 mil m2 de área coberta”.

O edil transmitiu tratar-se de “uma infraestrutura de grande interesse por ser de compra local de produtos do dia, ou seja, será uma grande oportunidade para os nossos agricultores e todos aqueles que se dedicam à produção e têm necessidade de ter um comprador com uma dimensão da Mercadona”.

Além disso, a instalação deste Centro Logístico no nosso concelho vai também criar novos postos de trabalho.

Aires Pereira revelou que a construção irá arrancar no início de 2018 para que a plataforma esteja operacional no final desse ano e arranque em janeiro de 2019.

Outro assunto de extrema relevância e que vai solucionar o acesso ao Cine-Teatro Garrett a partir da Avenida Mousinho é a aquisição do terreno que está à venda e que confronta com o Garrett.

O Presidente esclareceu que “a Câmara aprovou essa aquisição que vai permitir termos um acesso franco a partir da Avenida Mousinho e vai possibilitar termos zona de cargas e descargas, ou seja, resolver um problema logístico complicado que ali tínhamos”.

Com esta decisão, o edil entende que “começamos a robustecer o que representa para todos o Cine-Teatro Garrett e a possibilidade de construirmos um acesso independente a partir do parque de estacionamento subterrâneo da Avenida Mousinho até ao Garrett”.

Aires Pereira revelou ainda tratar-se de uma “aquisição que já há algum tempo era pretendida pelo Município e que agora devido a uma alteração legislativa relativa às ARU (Áreas de Reabilitação Urbana) que define que todos os edifícios transacionados nesta área tenham que passar pelo crivo do Município para que este possa manifestar se tem interesse na aquisição. Neste caso, o Município vai adquirir a parcela de terreno pelo valor de 470 mil euros.

O executivo aprovou a instalação do “Centro Qualifica” na Póvoa de Varzim, através de uma parceria com o Instituto de Emprego e Formação Profissional.

O Presidente explicou que “este Centro tem por objetivo dar formação e reconversão ao mercado de trabalho com um objetivo de 800 trabalhadores por ano. A formação abrange desempregados e empregados, neste último caso, para a qualificação dos quadros das empresas. Ficará instalado no antigo patronato de S. José de Ribamar e o contrato celebrado é válido por três anos com possíveis renovações em função das necessidades do mercado de trabalho. Este Centro Qualifica abrange toda a região da Póvoa de Varzim e Vila do Conde até Viana do Castelo, atraindo mais pessoas à nossa cidade”.

Foi aprovada a atribuição de um subsídio no valor de 12 mil euros ao Varazim Teatro para a organização do Festival Internacional de Teatro - É-Aqui-In-Ócio, que se realiza de 22 de setembro a 7 de outubro na nossa cidade. A este propósito, o Presidente fez questão der manifestar “a disponibilidade do Município para continuarmos a ter teatro na Póvoa de Varzim, com produção local. Uma decisão muito importante para manutenção da cultura no nosso concelho e na cidade, em particular”, transmitiu.