Passar para o conteúdo principal

A Câmara Municipal da Póvoa de Varzim e A Filantrópica assinaram um Contrato-Programa com vista a permitir que a Cooperativa de Cultura promova a realização de obras no edifício que constitui a sua sede social.

O imóvel em causa apresentava um acentuado grau de degradação e que punha em risco a continuidade das atividades projetadas pel’A Filantrópica. Uma vez que a Cooperativa não dispõe dos recursos financeiros necessários para proceder à recuperação do edifício, o Município disponibilizou-se para subsidiar a execução das obras.

No final da tarde de ontem, o Presidente da Câmara Municipal da Póvoa de Varzim, Aires Pereira, sublinhou que é imperioso não colocar em causa o património do concelho e que o edifício d’A Filantrópica, situada na Rua da Lapa, é de interesse público. Por isso, serão investidos mais de duzentos e setenta mil euros na reconstrução total do corpo nascente e em alterações profundas no restante edifício.

Segundo o edil, segurança é sinónimo de pessoas, ou seja, as ruas são mais seguras quanto mais pessoas as percorrerem. Daí ser relevante a reestruturação d’A Filantrópica de forma a dotá-la e equipá-la de acordo com as exigências de comodidade, modernidade e segurança e, dessa forma, levar cada vez mais poveiros a usufruir das suas atividades culturais, destinadas à fruição de toda a população, incluindo os idosos e cidadãos de mobilidade reduzida.

O Presidente do Conselho de Administração d’A Filantrópica, Luís Alberto Custódio, explicou que todos os membros da Direção se têm dedicado à manutenção de uma oferta formativa variada em múltiplas áreas artísticas e em tornar a Cooperativa numa entidade dinamizadora do panorama cultural no concelho da Póvoa de Varzim. As obras que estão em curso vão melhorar exponencialmente as condições oferecidas aos poveiros e serão uma nova página na história da Cooperativa.

Procissão de Nossa Senhora do Rosário: trânsito condicionado

No dia 9 de outubro, a Póvoa de Varzim recebe a procissão em honra de Nossa Senhora do Rosário.

Importando garantir adequadas condições de segurança dos arruamentos integrados no trajeto da mesma, o Município alerta a população para os condicionamentos de trânsito no dia da procissão, a partir das 16h00.

Assim, estará interdita a circulação de trânsito e o estacionamento de todos os veículos nas seguintes artérias da cidade: Rua da Igreja, Rua do Visconde, Largo Eça de Queirós, Praça do Almada, Rua Dr. Sousa Campos, Praça da República, Rua da Junqueira, Largo Dr. David Alves, Rua da Alegria, Avenida Mouzinho de Albuquerque, Largo das Dores e Rua de S. Pedro.

Noite de Fado na Fonte da Bica: alterações ao trânsito automóvel

No dia 1 de outubro, o Grupo Recreativo Estrela do Bonfim vai realizar a Noite de Fado na Fonte da Bica.

De modo a garantir as adequadas condições de segurança dos arruamentos integrados no decorrer do espetáculo, o Município alerta a população para a interdição da circulação de trânsito automóvel na Rua Fonte da Bica, entre as 21h30 e as 23h30 de amanhã.