Delinquências: textos ou pretextos