Passar para o conteúdo principal
Câmara expressa pesar pela morte de Luis Sepúlveda

Câmara expressa pesar pela morte de Luis Sepúlveda

Foi com enorme pesar que o Município da Póvoa de Varzim tomou conhecimento do falecimento do escritor chileno Luis Sepúlveda, esta quinta-feira, 16 de abril, no Hospital Universitário Central de Astúrias, em Oviedo, onde se encontrava internado desde 27 de fevereiro.
Terminou Correntes d’Escritas com convite para a 22ª edição

Terminou Correntes d’Escritas com convite para a 22ª edição

O encerramento da 21ª edição do Correntes d’Escritas aconteceu com uma calorosa cerimónia de entrega de prémios, no Cine-Teatro Garrett, este sábado, dia 22, às 18h00.
Literatura e cinema de mãos dadas na reta final do Correntes d'Escritas

Literatura e cinema de mãos dadas na reta final do Correntes d'Escritas

O público do Correntes d'Escritas pôde testemunhar o melhor dos dois mundos, literatura e cinema, esta tarde, no Cine-Teatro Garrett. A Sala de Atos apadrinhou o lançamento de quatro grandes obras literárias, da autoria de Paulo José Miranda, Vasco Gato, Fernando Sobral e Luís Carmelo, enquanto a Sala Principal foi o palco escolhido para a exibição do documentário de João Cayatte, referente à 20ª edição do Encontro de Escritores de Expressão Ibérica.
Última Mesa da 21ª edição

Última Mesa da 21ª edição

O Correntes d’Escritas reuniu, à volta da Mesa 10, Elisa Lucinda, Francisco José Viegas, Juan Gabriel Vásquez, Manuel Rui, Patrícia Portela e Rosa Montero.
História, poesia e literatura para a infância em destaque esta manhã

História, poesia e literatura para a infância em destaque esta manhã

Esta manhã foram apresentadas seis obras no Cine-Teatro Garrett no âmbito da 21ª edição do Correntes d’Escritas: Poesia da elogio da sombra, coleção com curadoria de Valter Hugo Mãe; Serei sempre o teu abrigo, também de Valter Hugo Mãe; Pitões da Júnias, Tões de Aurelino Costa com Anxo Pastor; A menina que queria desenhar o mundo, de Adélia Carvalho e Sérgio Condeço; A História de uma História, de Raquel Patriarca e Sara Cunha; e Os Informadores, de Juan Gabriel Vásquez.
"O mito da rapidez ocupou todos os lugares". "Não há tempo..."

"O mito da rapidez ocupou todos os lugares". "Não há tempo..."

"Se está na internet é porque é verdade" foi o tema da Mesa 9 que esta manhã juntou, não apenas os seis escritores previstos no programa - Ana Margarida de Carvalho, Clara Usón, Luís Osório, José Mário Silva, Miguel Szymanski e Maria Manuel Viana - mas ainda Ana Bárbara Pedrosa, que não tendo chegado a tempo para Mesa 7 de ontem foi integrada nesta.
Escritores e a cor azul…nem todos aderiram a esta tonalidade

Escritores e a cor azul…nem todos aderiram a esta tonalidade

O tema da Mesa 8, “Repintam-se de azul as palavras”, não foi seguido por todos os intervenientes. Se alguns ignoraram o mote nas suas apresentações, outros chegaram a dar umas pinceladas da cor, mas um deles, João Gobern, recusou-se a deixar a sua cor: “será sempre o vermelho e daqui não saio”.
Correntes de poesia nas Galerias Euracini2

Correntes de poesia nas Galerias Euracini2

Foi noite de poesia nas Galerias Euracini2, com dois momentos de lançamento de livros. A parte que nos toca, de Pedro Teixeira Neves, Fevereiros Doutrinários, de José Alberto Postiga, e O homem que comia de tudo, de Ricardo Dias Felner, tiveram apresentação na Sala Sarilho, enquanto a Sala Pente recebeu Renato Filipe Cardoso para o lançamento da sua nova obra, Ministério da Solidão.
João Tordo partilha histórias com leitores do Correntes

João Tordo partilha histórias com leitores do Correntes

João Tordo foi o convidado da terceira conversa no âmbito da iniciativa Correntes Ícone. Depois de Jaime Rocha e Ricardo Araújo Pereira partilharem com o público do 21º Correntes d’Escritas o seu processo criativo foi a vez do vencedor do Prémio Saramago (2009) dividir com os leitores algumas histórias que estão por trás dos seus livros. A conduzir esta partilha esteve Luís Carmelo.
Correntes em Rede II encerrou com várias ideias para o próximo ano

Correntes em Rede II encerrou com várias ideias para o próximo ano

A Correntes em Rede II – formação de professores-bibliotecários de 25 horas no contexto do Correntes d’Escritas - decorreu entre os dias 18 e 21. O encerramento aconteceu na sessão plenária, que se realizou ao final da tarde de sexta-feira, dia 21, no Diana Bar.
“O livro é fresquíssimo, leitor, é de amanhã!”

“O livro é fresquíssimo, leitor, é de amanhã!”

Ao final da tarde de ontem, Hirondina Joshua, Paulo José Miranda e Ricardo Fonseca Mota reuniram-se para abordar o tema “Nas redes perdidos, os livros de amanhã”. Com moderação de João Paulo Sacadura Cabral, esta Mesa 7 contou com menos três escritores – Ana Bárbara Pedrosa, João Paulo Cotrim e Tina Vallès, que não conseguiram estar presentes.
Apresentados os livros “A Fúria da Beleza” e “Literatura e Emoções”

Apresentados os livros “A Fúria da Beleza” e “Literatura e Emoções”

A sala Pena, das galerias Euracini2, receberam ao final da tarde de sexta-feira a apresentação de dois novos livros, um de uma poeta e outra de uma ensaísta, respetivamente, Elisa Lucinda (“A Fúria da Beleza”) e Leonor Simas-Almeida (“Literatura e Emoções: a função hermenêutica dos afetos”).